Turismo residencial no Algarve: a percepção dos gestores do setor público

  • Raphael dos Santos D’Emery Gomes Universidade do Algarve http://orcid.org/0000-0002-5944-8083
  • Hugo Emanuel dos Reis Sales da Cruz Pinto Universidade de Coimbra
  • Cláudia Margarida Brito Ribeiro de Almeida Universidade do Algarve
Palavras-chave: Gestores do setor público. Impactos Turísticos. Desenvolvimento Turístico. Turismo Residencial. Turismo no Algarve.

Resumo

Propósito do tema: Nos últimos anos o turismo residencial tem obtido uma atenção em Portugal e na região do Algarve. Ele foi identificado pelo plano nacional de turismo como um dos produtos estratégicos. No Algarve o seu peso é relevante para a dinâmica do turismo. Objetivo: Este estudo está focado na percepção dos gestores públicos quanto ao turismo residencial no Algarve, em particular os pontos fortes, pontos fracos, oportunidades e ameaças que este produto cria para o desenvolvimento da região. Metodologia e abordagem: O estudo utiliza uma abordagem descritiva e exploratória a partir de um questionário online realizado a todos os municípios do Algarve. O estudo centra-se na visão dos municípios como atores-chave envolvidos no desenvolvimento do mercado de turismo residencial. Resultados: Os resultados são úteis para entender as trajetórias do turismo residencial, apresentando informações úteis para estratégias futuras. Originalidade: Observou-se que os fatores econômicos têm influência direta nos pontos fortes e ameaças, enquanto as fraquezas são mais percebidas como aspectos sociais e ambientais e as oportunidades exigem articulação entre todas as dimensões, econômicas, sociais e ambientais

Biografia do Autor

Raphael dos Santos D’Emery Gomes, Universidade do Algarve
Pesquisador do Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra. Mestre em Torusim Economics and Regional Development, Faculdade de Economia da Universidade do Algarve.
Hugo Emanuel dos Reis Sales da Cruz Pinto, Universidade de Coimbra
Professor Auxiliar Convidado da Faculdade de Economia, Universidade do Algarve. Pesquisador do Centro de Estudos Sociais, Universidade de Coimbra.
Cláudia Margarida Brito Ribeiro de Almeida, Universidade do Algarve
Professora Adjunta da Escola Superior de Gestão, Hotelaria e Turismo da Universidade do Algarve.
Publicado
15-04-2017
Seção
Artigos